• SESAM

SESAM faz testes gratuitos de HIV e outras ISTs pela campanha Dezembro Vermelho


Com o lema “Quem se previne, transmite amor e saúde”, teve início nesta quarta, 1º de Dezembro, a campanha Dezembro Vermelho, em Piripiri, com testagem de pessoas pelas equipes do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA). Foram realizados 400 testes gratuitos de HIV, sífilis, hepatites B e C, além de testes de SWAB para identificação do novo coronavírus, na Praça da Bandeira e no Mercado Central, na região central da cidade.


A campanha Dezembro Vermelho, que terá um mês de atividades na luta contra o HIV/AIDS e às principais Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs), é uma realização é da Prefeitura de Piripiri, por meio da Secretaria de Saúde Municipal (SESAM), com apoio do CTA, Núcleo Ampliado de Saúde da Família (NASF) e Vigilância Sanitária.


A coordenadora do CTA da SESAM, Luana de Oliveira, diz que é importante levar informação para a população e, principalmente, estar fazendo testagem em massa para esse público que não tem acesso ao CTA. “Então, é papel da Saúde trazer para o público esses testes, realizar esse diagnóstico. Lembrando que o CTA faz as testagens, o diagnóstico e o acompanhamento de pessoas que vivem com HIV”, explica Oliveira.


“A pessoa faz a testagem rápido, um furinho no dedo e com 15 minutos, sabe o resultado. Se por caso, alguém for diagnosticado durante essas ações do Dezembro Vermelho, o nome é mantido em sigilo. Depois, encaminhamos o paciente para o CTA para realizar mais exames e ser acompanhado por uma equipe multiprofissional”, informa a coordenadora do CTA, Luana de Oliveira.


Para a Josélia do Vale, que trabalha no Mercado Central de Piripiri, a ação é importante para todo mundo se prevenir. “As pessoas acham difícil ir ao postinho (de Saúde) e, tendo assim na rua, a pessoa vai e faz que é rápido, resolve logo”.


Outro que gostou do serviço foi Francisco de Sousa Melo, 70 anos, do Bairro Santa Maria. “Sempre aproveito. Aqui tá pertinho da minha casa, o teste sai rápido e temos que aproveitar isso aí. A secretaria deve continuar com essa e outras ações que são importantes pra nós”, declara o aposentado.