top of page
  • Foto do escritorPref. de Piripiri

Piripiri terá programa piloto de Defesa Civil na Escola

O Governo do Estado do Piauí, por meio da Secretaria de Estado da Defesa Civil (SEDEC), lançou nesta quinta-feira (05/10) em Piripiri, o programa Defesa Civil na Escola, um projeto pioneiro no estado, de prevenção, com características educacionais baseadas em uma metodologia de redução de risco. A solenidade foi realizada às 9h, no Auditório Milton Vieira, localizado na Prefeitura Municipal de Piripiri. O programa será desenvolvido pela Secretaria de Educação do Município (SEDUC). O programa também será lançado em Pedro II e Picos.



O programa piloto de Defesa Civil na Escola será executado em duas escolas da rede municipal de ensino de Piripiri: o Centro de Educação de Tempo Integral Maria de Lourdes Assunção e a Escola Municipal Rural do DNOCS, da comunidade Caldeirão, na zona rural. O trabalho será desenvolvido com alunos do 6º e do 7º anos do Ensino Fundamental, com duração de seis meses, período em que os alunos estando capacitados deverão apresentar um produto ou uma ação social de impacto na comunidade na qual estão inseridos.



“A metodologia de trabalho pressupõe que conhecimentos que são da Defesa Civil ou das práticas de proteção civil sejam internalizados pelo alunado da educação básica no Piauí. O programa será estruturado a partir de uma formação de professores, com trilhas que tratam de temas como os objetivos do desenvolvimento sustentável, cidades resilientes, mudanças climáticas, o Sistema Nacional de Proteção Civil, primeiros socorros e percepção do risco. Essa formação vai permitir que esses professores diluam, de forma transversal, conteúdos de natureza ambiental, climática de risco, na grade curricular do ensino fundamental”, explica o diretor de Prevenção e Mitigação da SEDEC, Werton Costa.




Ainda segundo Werton Costa, o programa lançado em Piripiri é inovador. "O trabalho é inovador no Piauí, e de prevenção. Estamos apostando nos jovens para salvar vidas. Vamos capacitar professores para que eles executem ações ainda esse ano. Em 2024 conclui-se uma primeira etapa e começamos outra”, ressaltou o diretor.


A secretária de educação do município, Tânia Marilda Monteiro, fala sobre o dia. “Abraçamos esse programa e vamos melhorar a nossa condição de vida. O olhar desse trabalho é cuidadoso, temos ciência dessa questão climática e vamos trabalhar isso na escola com nossos alunos”, disse.



“Momento ímpar e muito importante para a nossa cidade. Estamos felizes em estarmos participando desse trabalho”, disse Hilton Osório, vice-prefeito de Piripiri, que representou a prefeita Jôve Oliveira Monteiro.


Diógenes Cruz, coordenador da Defesa Civil de Piripiri, falou sobre o momento. “Vamos levar esse programa para as escolas. Isso é muito importante e vai dar muitos frutos”, avaliou.


Emanuele Urquiza, aluna da escola rural do DNOCS, falou sobre o programa. “Ele vai defender a vida e, com certeza, nós vamos representar muito bem esse trabalho”, externou.


“Momento muito importante. A nossa região é bem seca e nossa sociedade precisa abrir os olhos para o meio ambiente. Esse programa servirá para esse alerta”, finalizou Jardiel Lustosa, professor do CETI Maria de Lourdes Assunção.




Comments


bottom of page