top of page
  • Foto do escritorPref. de Piripiri

Prefeitura lança Mutirão Municipal da Citologia e entrega equipamentos para SAMU e CEO de Piripiri

A Prefeitura de Piripiri, por meio da Secretaria de Saúde Municipal (SESAM), lançou, nessa segunda-feira (27/03), o 1º Mutirão Municipal da Citologia. O evento aconteceu no auditório Ver. Milton Vieira do Palácio do Povo de Perypery, no Centro Administrativo, zona Leste da cidade.


Iniciado nesse final de semana com a realização de exames em Unidades Básicas de Saúde (UBSFs) na cidade e zona Rural, o 1º Mutirão Municipal da Citologia, prevê atendimento de cerca de 400 mulheres. A culminância será no próximo sábado, dia 1º de abril.


A prefeita de Piripiri, Jôve Oliveira Monteiro, disse que o Mutirão está atendendo uma demanda reprimida, por isso, o atendimento aos sábados. “Muitas mulheres trabalham a semana inteira e, por isso, o Mutirão da Citologia está acontecendo também aos sábados. No próximo sábado, dia 1º de abril, teremos mais uma ação no combate ao câncer de colo de útero”, explica a gestora.



“Nós temos que nos cuidar e nós fazemos um apelo às mulheres que procurem as UBSFs, inclusive as mulheres da terceira idade. É importante fazer esse exame”, afirma Jôve Oliveira Monteiro.


A secretária da SESAM, Beatrice Pimentel, lembra que o objetivo maior é atender as mulheres que estão há dois ou três anos sem fazer o exame de prevenção. “É um exame fácil, rápido e indolor que é ofertado em nossas unidades de Saúde, mas para atender às mulheres que por algum motivo não podem ir durante a semana às UBSFs, pode ser atendida no sábado também”, frisa.


A coordenadora do 1º Mutirão Municipal da Citologia, enfermeira Letícia Carvalho, disse que o exame de citologia é um exame que identifica alterações celulares precocemente e que curáveis em quase sua totalidade quando são identificadas cedo. “A Organização Mundial de Saúde (OMS) e as diretrizes nacionais do SUS recomendam que o exame de prevenção seja realizado em mulheres que já tiveram ou que têm relação sexual dos 25 aos 64 anos de idade, principalmente, as que estejam há três anos ou mais sem realizar o exame”, explica a enfermeira.


Após a solenidade, foram entregues equipamentos para o SAMU 192 e aparelhos para Centro de Especialidades Odontológicas de Piripiri (CEO).

“Hoje (28), estamos aqui recebendo materiais de uso diário para o SAMU, tais como: talas para imobilização, colares cervicais, aparelhos para pressão, oxímetros, máscaras e outros materiais usados para oxigenoterapia e para imobilizar pacientes vítimas de acidentes de trânsito”, disse Bruno Frank, representante do SAMU em Piripiri.




Comentarios


bottom of page