Prefeitura e TJPI entregam Sala de Escuta e brinquedoteca no fórum da Comarca de Piripiri


A Prefeitura de Piripiri, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (SETAS), apoiou, na última sexta-feira (13/05), a instalação da Sala de Depoimento Especial e a brinquedoteca entregues pelo Tribunal de Justiça do Piauí - TJPI. Os novos espaços vão funcionar no Fórum Desembargador João Turíbio de Santana, sede da Comarca de Piripiri, bairro Fonte dos Matos.


Na oportunidade, a prefeita de Piripiri, Jôve Oliveira Monteiro, anunciou que cederá para o Fórum da Comarca de Piripiri, prédio da SEDUC, onde funciona o CadÚnico. “Pra nós, enquanto município, ente federativo, será um prazer colaborar com o Tribunal de Justiça do Piauí e com o Poder Judiciário. O que estiver ao nosso alcance, será celebrado para formalizar essa parceria”, garantiu a gestora.


“Sem dúvida que me deixa muito feliz estar inaugurando aqui na Comarca de Piripiri, a Sala de Atendimento Especial, a brinquedoteca e o serviço integrado multidisciplinar. São dispositivos de trabalho que trarão um imenso benefício ao Poder Judiciário e à sociedade em geral”, destaca o Des. Fernando Lopes Sobrinho, corregedor geral de Justiça do TJ-PI.


O diretor do Fórum da Comarca de Piripiri, juiz Raimundo José Gomes destacou que é muito importante a Sala de Depoimento Especial. “É um cantinho reservado para a criança, idoso e a mulher vítima de violência doméstica. Para ter aquela oportunidade de conversar de forma relaxada, sem aquela pressão de delegacia e fórum movimentado”, explica o diretor.


O presidente da Subseção da OAB de Piripiri, Manoel Inácio Vieira de Sá, também elogiou esse novo serviço para a população. “E como muita alegria que a OAB recebe essa Sala de Depoimento Especial que é uma garantia de direitos da criança e do adolescente. Quero aproveitar e parabenizar o município de Piripiri, na pessoa da prefeita Jôve Oliveira Monteiro, que tem dado todo suporte e aparato nessa parceria com o Tribunal de Justiça”, frisa o advogado.


A secretária da SETAS, Cínthia Rezende, explica a Sala de Atendimento Especial será para atender as pessoas que sofrem violência, crianças, mulheres, idosos e adolescentes. “A Sala de Escuta terá o acompanhamento de dois profissionais cedido pelo município de Piripiri, um psicólogo e uma assistente social que estão da disposição da Justiça”, pontua a secretária.