Prefeitura de Piripiri e parceiros lançam a Campanha Agosto Lilás


A Prefeitura Municipal de Piripiri por meio da Secretaria Municipal do Trabalho, Assistência e Desenvolvimento Social (SETAS) e em parceria com o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (CMDDM), de Piripiri, lançaram nesta quinta (04/08) a Campanha Agosto Lilás/2022 que tem como objetivo promover ações de combate à violência doméstica e familiar contra as mulheres e a ampla divulgação dos direitos femininos.


A campanha Agosto Lilás iniciada agora se estenderá por todo o mês de agosto. O evento aconteceu no auditório Milton Vieira, no Palácio do Povo de Pery Pery.


“Ainda existem casos de violência em Piripiri e hoje começamos essa campanha com capacitações, cursos para nossos profissionais do CREAS e CRAS. Precisamos conscientizar a população sobre assunto tão sério”, disse Cínthia Rezende, secretária da SETAS.


“Infelizmente, os indicadores estão altos e arrisco-me a dizer que 1/3 dos crimes de Piripiri envolvem casos contra a mulher. Nossas campanhas sempre vão existir para lutarmos contra isso”, disse Marisa Mônica, presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Piripiri.


Para o vice-prefeito Hilton Osório, que no evento representou a prefeita Jôve Oliveira Monteiro, o assunto tem muita importância. “Estamos aqui dando ênfase a esse evento que combate a violência contra a mulher”, disse.


Presente ao evento, a delegada Camila Martins, da Delegacia da Mulher de Piripiri, falou sobre o tema. “Hoje, as vítimas estão denunciando mais cedo o que facilita nosso trabalho. Quanto aos números, em 2021 foram mais de 100 expedições de medidas protetivas”, explicou.


Germayra Carla Costa de Sousa, Psicóloga, Pós-Graduanda em Saúde Mental, Psicopatologia e Atenção Psicossocial, ministrou palestra intitulada: A Importância do Trabalho em Rede contra a Violência Doméstica e Familiar. “Ainda há o problema histórico de naturalizar essa questão da violência e procuramos conscientizar as mulheres sobre os tipos de violência”, explicou.


Hosanielly de Araújo da Silva, Graduada em Serviço Social e especialista em Serviço Social, Direitos Sociais e Políticas Públicas, com atuação no NASF, falou sobre “O Papel da Saúde no Atendimento às Mulheres em Situação de Violência”. “Assim como todas as políticas de proteção, a saúde tem um papel primordial no recebimento das vítimas e esse evento tem esse objetivo: alertar sobre o espaço de saúde e de proteção”, explicou.


Presente ao lançamento, Jussara Carvalho, visitadora do programa Criança Feliz, gostou muito do evento. “São muitos casos em Piripiri e o Agosto Lilás nos dá muitas informações sobre esse fenômeno triste”, finalizou.