• Pref. de Piripiri

Prefeitura de Piripiri e Instituto Chico Mendes se unem no combate a incêndio no aterro sanitário



Prefeitura Municipal de Piripiri por meio da Secretaria do Meio Ambiente e Defesa Civil (SEMAD), com apoio do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), estão realizando uma operação para cessar o incêndio ocorrido de forma criminosa, no dia 10 de julho, no Aterro Sanitário da cidade.

“Com apoio de nossa prefeita Jôve Oliveira Monteiro estamos lutando contra esse incêndio porque ficaram muitos focos e com ajuda do ICMBIO estamos buscando dar mais tranquilidade à Cooperativa de Catadores de Materiais Recicláveis que trabalha no local”, disse Sonny Anderson, secretário da SEMAD.

Daniele Lima, assessora da Cooperativa, falou sobre a situação. “É um episódio muito triste. A pessoa que fez isso conhece nossa rotina e ateou fogo a partir de 17h, incendiou o material, que é altamente inflamável, que passou para o lixo. A SETAS nos ajudou muito. Enviou 36 cestas. A gestão dessa administração mudou bastante e melhorou muito em relação às gestões anteriores”, disse.

Elizângela Martins, técnica da Associação Nacional de Catadores e Catadoras de Materiais Recicláveis (ANCAT) esteve presente nesta quarta (20/7) ao aterro sanitário. “Nós assistimos a 250 cooperativas em todo o Brasil e soubemos do que aconteceu em Piripiri. Viemos entregar 36 cestas básicas e solidariedade. Dessa forma, eles irão continuar no projeto. Estamos gostando da gestão de Piripiri que ajuda muito essas pessoas”, explicou.

O incêndio atingiu o aterro sanitário do município de Piripiri, localizado nas proximidades da BR 343, no domingo, 10 de julho. Os catadores acionaram o Corpo de Bombeiros que fez o combate às chamas no local. O incêndio iniciou no final da tarde e seguiu pela noite. Trinta e seis famílias sobrevivem no trabalho de catar lixo no aterro sanitário.