top of page
  • Foto do escritorPref. de Piripiri

Prefeitos formalizam criação do Consórcio Intermunicipal Meio Norte

Foi realizada na última sexta-feira (16/06), em Piripiri, na sala de reuniões do Palácio do Povo de Perypery, mais uma assembleia do Consórcio Intermunicipal Meio Norte, que tem como finalidade a instalação de uma usina biomecânica para tratamento de resíduos sólidos urbanos em Piripiri, polo regional. A reunião tem na pauta: a formalização do consórcio, a posse da primeira diretoria e homologação do estatuto.



A instalação da usina, que está prevista para 2024, beneficiando 15 municípios e uma população de cerca de 214 mil habitantes.

Na assembleia geral se fizeram presentes prefeitos e representantes dos municípios de Domingos Mourão, Capitão de Campos, Nossa Senhora de Nazaré, São João da Fronteira, Milton Brandão, Campo Maior, Pedro II, Piracuruca, Lagoa de São Francisco, Brasileira, São José do Divino, Cabeceiras, Boa Hora e Boqueirão, todos participantes do consórcio.


Com o funcionamento da usina biomecânica será gerado material termoplástico, tais como telhas, tijolos e tubulações para a rede de esgoto que serão utilizados pelos municípios com o objetivo de incrementar a infraestrutura dentro das cidades. A usina de Piripiri será a nona no país e a primeira no Nordeste.



“Uma usina que vai beneficiar quinze cidades. Fui escolhida presidente desse consórcio, uma possibilidade real de tudo dar certo; estamos avançando. Agradecemos ao governador Rafael Fonteles por toda essa confiança depositada em nós. Uma etapa especial a de hoje. Depois de muito trabalho, vencemos e vamos agora ter uma usina de beneficiamento de lixo, vamos cuidar do meio ambiente”, disse a prefeita Jôve Oliveira Monteiro.



O diretor-geral do Instituto de Águas e Esgotos do Piauí (IAEPI), Magno Pires, falou sobre o consórcio.


“Formalizamos o consórcio e a partir de hoje ele existe, é uma empresa. Depois vamos para a área de campo, comprar equipamentos e tudo terminará bem”, explicou.


O presidente do Instituto Nacional de Ciências e Tecnologia CO2 Zero (INCT), Marcus Andrey Vasconcellos, disse que o sonho está cada vez mais perto. “Hoje é a cereja do bolo. Homologamos o estatuto e agora o trabalho para instalação da usina em 2024”, disse.



“Esse consórcio tem uma importância extrema para resolver o lixo dos municípios. Piracuruca se sente honrada por esse grande momento e vamos estar fazendo parte dele”, afirmou Ivonalda Almeida, procuradora do Município de Piracuruca, que representou o prefeito municipal no evento.


Betinha Brandão, prefeita de Pedro II, falou sobre a assembleia. “Estamos felizes de estarmos juntos nesse trabalho. Com essa formalização, vamos conseguir alcançar nosso sonho e o lixo vai ficar a nosso favor, vamos criar renda”, explicou.


“O importante desse consórcio é porque vai servir para todos nós. Estamos aqui felizes e o problema em Boa Hora é a questão do lixão, temos que acabar com isso”, finalizou o prefeito Francieudo Carvalho, prefeito de Boa Hora.


A diretoria do Consórcio Meio Norte ficou assim estabelecida:


Presidente: Jôve Oliveira Monteiro (Piripiri)


Vice-presidente: Tim Medeiros (Capitão de Campos)


Conselho Fiscal (Titulares):

José Henrique de Oliveira Alves (Nossa Senhora de Nazaré), José da Silva Filho (Cabeceiras) e Francisco de Assis da Silva Melo (Piracuruca).


Suplentes: Elisabete Rodrigues de Oliveira Nunes Brandão (Pedro II), Maria Irinelda Gomes de Oliveira Silva (Domingos Mourão) e Francisco de Assis Carvalho Cerqueira (São José do Divino).


Coordenadora da Secretaria Executiva: Carmen Gean Veras de Meneses (Brasileira).



Comentarios


bottom of page